Quinta-feira, 27 de novembro de 2014
Página inicial do clicfilhos.com.br
    

Brincadeiras para todas as idades

Por Carla Oliveira *


Passar os fins-de-semana na frente da televisão, nem pensar. Confira nossas sugestões de atividades ao ar livre que irão fazer a garotada suar e se divertir!

Na correria do dia-a-dia, normalmente a distração das crianças é ver televisão, brincar no computador ou jogar videogame. Mas, nos fins-de-semana ou nas férias, a ordem é brincar ao ar livre. Na praia, no sítio, no clube ou na quadra do prédio, o que importa é sair de casa e aproveitar o sol, exercitando o corpinho. Por isso, selecionamos algumas brincadeiras e jogos, que misturam atividade física e diversão.

Além dessas dicas, não se esqueça também dos esportes conhecidos como futebol e vôlei e das brincadeiras tradicionais como amarelinha, pega-pega, esconde-esconde. Só não vale ficar parado!

Chame os primos, os amiguinhos e os vizinhos, todos podem participar! Não se esqueça de passar protetor solar nas crianças e de oferecer a elas bastante água e suco, para repor os líquidos perdidos na transpiração. E atenção: sempre deverá haver um adulto por perto para supervisionar a brincadeira, especialmente se for na piscina.

Pega-bandeira


Também conhecido como pique-bandeira, este jogo deve ser realizado em uma quadra ou campo de futebol. Formam-se dois times de, no mínimo, quatro crianças cada. Cada time terá uma bandeira de uma determinada cor, que deverá ser colocada na área do gol - um cabo de vassoura com um pano amarrado na ponta pode muito bem substituir a bandeira. O jogo começa com cada time na metade da quadra oposta a que está a sua bandeira. O objetivo é recuperar a bandeira de sua equipe.


Quando alguém invade o campo do "inimigo", cruzando a linha do meio da quadra, o adversário pode tocá-lo. Se isso acontecer, ele deverá ficar paralisado até que um colega de seu próprio time encoste nele novamente, liberando-o. Se ele conseguir chegar à área onde está a sua bandeira, o adversário não pode tocá-lo até que ele saia da área. Ganha aquele que conseguir levar a bandeira de volta, passando do meio da quadra. Se, na tentativa da volta, o adversário encostar nele, a bandeira volta pro lugar.


Bambolês


Este jogo tem o mesmo princípio da folclórica dança das cadeiras. Coloque alguns bambolês espalhados pelo chão, em uma área grande. Deverá haver um bambolê a menos em relação ao número de crianças participando. Cada criança deverá iniciar o jogo sentada dentro de um bambolê, exceto uma, que ficará fora. Esta dará o sinal para o início do jogo e todas as crianças deverão correr em direção a outro bambolê, e sentar-se dentro dele. A criança que sobrar, sai da brincadeira e então o jogo recomeça, com um bambolê a menos, até restar um vencedor.


Pega o rabo!


Providencie pedaços de pano ou fita de duas cores diferentes, em número correspondente ao de crianças que irão participar. Divida as crianças em dois grupos. Cada uma deverá receber um pedaço de pano ou fita da cor correspondente ao seu time e colocá-lo preso sob o elástico de sua calça ou short, como se fosse um rabo. Quando alguém der o sinal, as crianças deverão pegar o rabo dos adversários, sem tocar neles e muito menos segurá-los à força. Vence quem conseguir pegar todos os rabos da outra equipe.


Jogo das bolas na piscina


Junte quantas bolas puder, de vôlei, de tênis, de plástico, vale qualquer uma. Jogue todas na piscina! Divida a garotada em dois times. Cada um fica em uma metade da piscina. Quando alguém falar "já", cada time terá que jogar as bolas para o lado dos adversários. Vence o time que, ao final, tiver menos bolas em sua parte da piscina. É um jogo cansativo, por isso não deve prolongar-se muito. Não é indicado para crianças pequenas, que poderão engolir água.


Vôlei do alfabeto


Primeiro, é escolhido um tema, por exemplo: frutas. Em seguida, as crianças formam um círculo e jogam vôlei. A cada toque, deverão ir falando as letras do alfabeto. Quem deixar a bola cair, deverá falar o nome de uma fruta que comece com a letra correspondente. Se a criança deixou a bola cair na letra "m", poderá falar melão, melancia ou mamão, por exemplo. Em seguida, retoma-se o jogo de vôlei, a partir da letra seguinte, neste caso o "n".


Rebatida


Para jogar rebatida são necessários um gol, uma bola e duas duplas. Primeiro sorteia-se qual dupla começará atacando. A dupla que for atacar coloca a bola na marca do pênalti, enquanto a dupla que estiver defendendo posiciona-se na linha do gol (isso mesmo, os dois ficam no gol). O atacante bate o pênalti e, se fizer o gol, soma um ponto para a sua dupla. Se um dos defensores agarrar a bola ou a bola for para fora, é ponto da defesa. Caso um dos defensores defenda a bola com as mãos, com os pés ou caso a bola rebata em uma das traves, a brincadeira muda.


Quando isso acontecer, a bola estará em jogo e os dois atacantes têm que tentar fazer o gol, enquanto um dos defensores assume o papel de goleiro e o outro de zagueiro - isso deve estar combinado antes. Se o time atacante fizer o gol, somará pontos de acordo com o lugar onde bola havia rebatido: rebatida por um dos defensores, 2 pontos; rebatida em uma das traves laterais, 3 pontos; rebatida no travessão, 4 pontos; rebatida no ângulo entre as traves, 5 pontos. Cada dupla tem direito a 6 chutes (3 de cada jogador). Ganha a dupla que fizer mais pontos.


Comentário:    
       

Matérias relacionadas

   
Proteja sua casa quando for viajar 24/11/2010 às 12:23:35

Você vai viajar nas férias ou no feriado com sua família e deixar sua casa desocupada por alguns dias? Fique atento a regras básicas de segurança que ajudam a proteger o seu patrimônio.

   
Interar-te Atividade gratuita para famílias 29/04/2011 às 11:57:06

Dia 11 de julho, quinta-feira, no MAC USP NOVA SEDE - Ibirapuera! Confira!

   
Milho, o rei dos cereais. E da garotada! 15/09/2003 às 20:36:00

O milho faz um enorme sucesso entre as crianças e, além de saboroso, é muito nutritivo. Aprenda a fazer doces e salgados deliciosos com esse cereal. As receitas são da turma do Sitio do Picapau Amarelo!

   
Um dia no museu 03/05/2013 às 17:49:24

Saiba como aproveitar ainda mais a sua ida ao museu com as crianças! Entretenimento, conhecimento e cultura em um só lugar!

   
Férias no museu 10/01/2013 às 18:28:30

Quando chegam as férias escolares sempre queremos entreter as crianças! Uma ótima sugestão é visitar os museus de ciência, zoológicos, jardins botânicos e planetários da cidade!