Segunda-feira, 03 de agosto de 2015
Página inicial do clicfilhos.com.br
    

Dinheiro e filhos

Oferecimento Sulinvest

Por Sandra Blanco *


Quais pais que não sonham com o melhor para seus filhos? Poder dar uma boa alimentação, belas roupas, bons colégios, brinquedos, viagens, etc. Mas para bancar esses desejos é preciso dinheiro, não é?

Pense um pouco no dinheiro necessário para pagar as contas. Mas, também, na maneira como ele é tratado pela família. Criar indivíduos preparados para o mundo lá fora não depende somente de boa formação, de bons colégios. A verdadeira educação é um conjunto das boas experiências adquiridas durante a infância. E parte dessa boa formação tem relação com o dinheiro. Na maneira como os pais falam sobre dinheiro, na maneira como mostram a importância do trabalho, na maneira que eles aprendem o que podem esperar deste mundo.


As crianças são capazes de absorver muito. Basta sentirem confiança no que está sendo transmitido e que vocês estão realmente abertos para falar do assunto. Conversando com seus filhos sobre dinheiro, você estará falando sobre o que move o mundo e, na verdade, ensinando-lhes bem.


Dialogar com os filhos sobre dinheiro tem sido descartado da lista de tarefas de muitos pais. O assunto foi considerado secreto por muitos anos. Com a globalização da economia e o desenvolvimento tecnológico não temos mais como adiar nem como esconder sua importância.


Mas para ensinar com confiança é preciso ter propriedade do assunto. Não adianta ensinar sobre economia e poupança se a família é consumista e esbanjadora. Também não adianta falar em futuro se a família trabalha hoje para pagar o que comprou ontem. Nem falar sobre doação e caridade, se a situação dos menos privilegiados não importa.

Preocupação com o futuro

Você sabia que nos Estados Unidos poupar e investir dinheiro pensando na faculdade dos filhos está entre os objetivos financeiros mais citados pelos investidores? Isto porque eles não precisam se preocupar com o ensino fundamental que ainda é público e de boa qualidade.


Mas e num país como o nosso, onde é impossível contar com o ensino público? E as nossas escolas particulares que cobram quase o mesmo valor de uma mensalidade de universidade? E os pais que sonham em proporcionar aos filhos a experiência de estudar no exterior por um ou dois anos? A preocupação não deveria então ser maior ainda? Então, está na hora de abrir os olhos!


* Sandra Blanco Consultora de Finanças Pessoais da Mulherinvest


Comentário:    
       

Matérias relacionadas

   
O jovem e as finanças 14/02/2002 às 16:17:00

Tão importante quanto uma educação formal na escola é o preparo do jovem para enfrentar o mundo com um sólido conhecimento a respeito de dinheiro.

   
Desemprego, Mantenha a calma 03/09/2001 às 15:15:00

O medo é geral: perder o emprego traz ansiedade e insegurança para a família. Descubra como enfrentar a situação sem tanto sofrimento.

   
Aumente a renda da sua família! 01/08/2003 às 21:47:00

Se você teve de abandonar a carreira para cuidar dos filhos ou está desempregada, saiba que existem muitas maneiras alternativas de ganhar dinheiro. Não é preciso nem sair de casa!

   
Natal dentro do orçamento 13/11/2004 às 14:44:00

Saiba como planejar seus gastos e reduzir as despesas de fim de ano para não começar o ano novo no vermelho.

   
Educação financeira em dose infantil 03/05/2001 às 14:19:00

Questões financeiras dizem respeito a toda a família, inclusive aos pequenos. Afinal, eles também entram no orçamento doméstico. Mas é importante respeitar a maturidade da criança para não envolvê-la em assuntos que gerem traumas futuros.